Juri Popular: Assassino de Abdon é condenado a 14 anos de prisão em regime fechado

O reu confesso do assasinato de Abdon Gomes da Costa, Odaison Almeida de Sousa, foi condenado a 14 anos de prisão em regime fechado na tarde desta quarta feira(28), na cidade de Tuntum.

O crime ocorrido no dia 25 de Janeiro do ano passado, foi a júri popular no Tribunal de Justica da Comarca de Tuntum e durou cerca de 4 horas.

A sentença o Juiz determinou que Odailspon cumprirá 14 anos de prisão em regime fechado por ter matado, Abdon com tiro de espingarda.

Entenda o caso

Abdon Gomes foi morto segundo investigacoes com tiro de espigarda Pelas características da execução, conforme relatos do próprio acusado e as ligações que mantinha com Abdon, o crime foi premeditado. Odailson, após tirar a vida de Abdon, teria se arrependido e ainda pensado em se entregar, mas não o fez temendo reações de familiares. Ele teria comentado também, depois de preso, que não teria ficado com o suposto dinheiro desaparecido do Fiat Estrada da vítima, que na fuga foi levado por ele e encontrado posteriormente na cidade de Araguaína-TO.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: