IBGE revela que seis cidades concentram mais da metade das riquezas do Maranhão

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou dados do Produto Interno Bruto dos municípios com números referentes a 2016. No Maranhão, os índices revelam uma forte concentração da renda, já que apenas seis cidades produzem mais da metade das riquezas de todo o estado.

Veja o ranking da concentração de riquezas no MA:

  1. São Luís – 33,3%
  2. Imperatriz – 8,2%
  3. Balsas – 2,8%
  4. Açailândia – 2,3%
  5. São José de Ribamar – 2,2%
  6. Caxias – 1,9%

Segundo o IBGE, as seis cidades com maior PIB no Maranhão têm setor de comércio e serviços puxando a economia, além de uma cadeia produtiva bem definida. Por outro lado, 109 municípios maranhenses concentram apenas 10% da riqueza do estado. Nessas cidades vivem 19,2% da população, que é dependente de recursos da administração pública e previdenciária.

“Através desse estudo, nós podemos perceber um grau de concentração da riqueza, que nos ajuda a compreender a questão das desigualdades no Brasil. As desigualdades perpassam necessariamente pelos equilíbrios regionais”, explicou o analista técnico do IBGE, José Reinaldo Matos.

Segundo dados de 2016 do IBGE, em 109 municípios maranhenses a população depende de recursos da administração pública e previdenciária. — Foto: Reprodução/TV Mirante
Segundo dados de 2016 do IBGE, em 109 municípios maranhenses a população depende de recursos da administração pública e previdenciária. — Foto: Reprodução/TV Mirante

Ranking nacional

Dos 100 menores PIBs brasileiros, 46 estão no Maranhão e 23 na Bahia. Já entre as cidades com maior PIB per capita (Divisão do PIB por habitante), o município maranhense mais bem colocado é Santo Antônio dos Lopes com rendimento de R$ 86.606,91 devido a investimentos privados na área de energia na região.

G1 MARANHÃO

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: