Homem é assassinado em Barra do Corda a mando de marido enciumado; testemunha do crime também foi executada

A cidade de Barra do Corda amanheceu chocada com a notícia das execuções de Elisson Lopes de Sousa, 33 anos, e João Vitor Carlos do Nascimento, 18 anos, assassinados durante a madrugada desta terça-feira(16) no loteamento Frei Daminhão, próximo a Avenida Parambu mediante disparos de arma de fogo.

Três pessoas foram presas acusadas do crime, sendo elas: Raimindo Celso Silva Nere, 69 anos (mandante), Francisco Lima Rodrigues, v. “Paulista”, 58 anos (agenciador) e Joílson Mota de Sousa, v. “Pitbull, 41 anos, (pistoleiro executor).

A motivação do crime seria questões de ciúmes de Raimundo para com Elisson, pois esse teria um caso com a esposa de Raimundo, tendo este então resolvido dar fim na vida do mesmo e resolveu contratar um pistoleiro para dar cabo na execução.Após notícia dos fatos, foram iniciadas investigações em trabalho conjunto da Polícia Civil e Militar, tendo a Polícia Militar inclusive apresentado na delegacia o mandante do crime, sendo que no decorrer das investigações, a Polícia Civil conseguiu provas do crime e consequentemente a confissão do mandante, bem como os dados do agenciador e do executor, sendo estes também presos no curso do dia e todas as questões envolvendo o crime, da motivação ao modo de execução, totalmente esclarecidos.Por fim, a vítima João, segundo o executor, foi morto por estar no lugar errado e na hora errada, tendo assim presenciado o crime e por isso teve que ser executado como queima de arquivo.Informações do delegado Renilto Ferreira ao Blog Minuto Barra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *