TUNTUM: Audios deixados por Fernando Sena podem indicar que o mesmo cometeu suicídio

Uma série de áudios supostamente deixados por Fernando Sena, que trabalhava na promotoria de Justiça da cidade de Tuntum, podem revelar que o mesmo pode ter cometido suicídio.

Nos áudios Fernando deixa uma série de recados para amigos e familiares, indicando o que poderia ser feito com seus pertences.

Em um deles, o funcionário público pede que não esqueçam de deixar dinheiro para sua mãe.

Fernando ainda lembra aos amigos que ninguém se sinta culpado, pois tudo que ele fez na vida foi de forma pensada.

Confira os áudios:

 

Entenda o Caso

Foi encontrado morto na manhã desta quinta-feira (01), por volta das 05:40 horas, na estrada do Entroncamento, que liga Tuntum a BR 226, o jovem funcionário publico conhecido Fernando Gomes da Silva conhecido como Fernado Sena, que trabalhava na Promotoria de Tuntum.

Fernando foi encontrado junto a sua motocicleta e cadeira de rodas (o mesmo era cadeirante), próximo a cerâmica do Edmilson a aproximadamente 5 km do centro de Tuntum, com um tiro de revolver calibre 38.

Junto ao corpo foram encontrados seus pertences e a arma usada, e tudo leva a crer que pode ter sido suicídio. Segundo policiais que estavam no local tem que ser feito uma pericia para poder se ter certeza de como foi à morte.

Fernando que durante anos foi funcionário concursado do Banco do Brasil e há pouco tempo tinha passado no concurso do Ministério Publico, e estava trabalhando na Promotoria era bastante querido pela população,  sendo um jovem alegre e respeitador.

Nós que fazemos o Blog do Pedro Jorge lamentamos muito esta grande perda, pois assim como todos admiravamos muito o jovem Fernando.

Um comentário em “TUNTUM: Audios deixados por Fernando Sena podem indicar que o mesmo cometeu suicídio

  • 5 de Março de 2018 em 8:58 pm
    Permalink

    Pessoas boas nao guentam ficar no meio de tanto odio …é uma pena pois é de pessoas como ele que queriamos que ficasse …

    Resposta

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: